E ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres,” – Efésios 4:11

Este é o quinto, dos cinco ministérios mencionados em Efésios 4. Tal qual o evangelist; o mestre também não é muito bem “divulgado” e estimulado dentro dos cinco ministérios. Desejo com isso declarar que Deus tem levantado homens e mulheres com esta função ministerial dentro da IGREJA com intuito de aperfeiçoa-la para a volta do NOIVO. Conforme já verificamos os cinco ministérios, descritos em Efésios 4, são levantados por Deus e para o propósito do amadurecimento da IGREJA, até que todos cheguemos a estatura de Cristo. Creio que o ensino vindo através do ministério mestral é imprescindível para este amadurecimento e aperfeiçoamento dos santos.

MESTRE

Definição no Dicionário:

mestre

s.m.
1.Indivíduo que ensina; professor.

Definição no Dicionário Bíblico:
mestre

1.Professor; instrutor {#Sl 119.99; Mt 10.24}.
2.Título de Jesus, que tinha autoridade ao ensinar {#Mc 12.14}.
3.Pessoa perita em alguma ciência ou arte {#Êx 35.35}.
4.Pessoa que se destaca em qualquer coisa {#/ RA Pv 24.8; Ez 21.31}.
5.Capitão {#Jn 1.6}.

Estas são as definições encontradas no dicionário bíblico e fica claro que podemos ver estas qualidades em JESUS CRISTO.
Assi
m como já escrito  sobre os pastores, temos o padrão de mestre, bem relatado nas escrituras, na pessoa de JESUS CRISTO. Desta forma precisamos estar entendendo que: todo aquele que tem este ministério, de mestre, precisa estar aprendendo de Cristo e ser usado/guiado pelo Espírito Santo para ensinar tal JESUS.

É preciso verificar que não basta ter a qualidade de ser um bom “ensinador” e sim ter um chamado ministerial para exercer na igreja. Pois uma pessoa que se auto-intitula mestre, ou por mérito ou julgamento próprio,  pode trazer grande desvio a NOIVA.

As escrituras já nos alertam em 2 Pedro 2:1

“Assim como, no meio do povo, surgiram falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos mestres, os quais introduzirão, dissimuladamente, heresias destruidoras, até ao ponto de renegarem o Soberano Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição.”

Precisamos estar atentos pois para chegar ao ponto de trazer o ensino “de renegarem o Soberano Senhor” é um caminho que é trilhando de um pequeno desvio no começo, mas que lá na frente chega a este ponto de renegar o Senhor. O mestre recebe revelações do alto e muitas vezes coisa que a igreja não tem conseguido enxergar. Porém, não pode ser um ministério independente (à parte da igreja e dos outros 4 ministérios levantados pelo Senhor). No corpo de Cristo é assim: tudo se completa na unidade e para evitar “heresias destruidoras” precisa haver diálogo, precisa haver unidade e não isolamento pois se não, a habilidade e unção de mestre pode trazer destruição. Não quero, com estas palavras, assustar e sim alertar para que possamos estar usufruindo na plenitude o que o Pai tem à nos oferecer como IGREJA que somos. Que possamos ouvir e ser ensinados por aqueles que tem esta unção e que haja humildade aos apóstolos, profetas, evangelistas e pastores em estar reconhecendo estes homens e mulheres e coloca-lo na ativa para trazer ensino ao corpo de Cristo.

Bom, creio que isto é o que por hora tinha proposto em estra escrevendo sobre os 5 ministérios descritos em Efésios 4.

Lembre-se: Cada um destes ministérios existem para o crescimento e amadurecimento do corpo e a ação de qualquer um deles de uma forma isolada aos outros causa deformidade no corpo. Portanto estejamos atentos para estar permitindo a ação dos 5 ministérios em nosso meio. Ore clamando para que o Senhor esteja restaurando de fato os 5 ministérios descritos em Efésio 4 com o propósito proposto por ELE e não para levantar e exaltar homens. E para que a igreja possa entender este propósito e somar em prol do mesmo.

No amor de Cristo,

CELSO BERTONI